Páginas

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Yummy Mummy.

Há 3 anos atrás, logo no principio desde projecto, escrevi um texto que agora se repete por cá (cá em casa e nesta cabeça). Aqui fica.

E agora? Quem não quer ser (nem que seja um pouco) uma Yummy Mummy?



Uma super-mulher que cabe num 36 três semanas após o parto? Uma mãe sexy que faz as compras para a sopa em saltos altos? Fecha um trabalho no seu BB enquanto brinca com o seu bebé para estimular o seu cérebro?

Dêem-nos força!

Uma verdadeira Yummy Mummy luta para encontrar o equilíbrio perfeito entre a mulher sensual que costumava ser, a mulher que se tornou, a profissional que trabalha para ser, a mulher (“esposa”) que aspira ser, e a mãe que idealiza pelo exemplo que tem.

Basicamente, ela está confusa e exausta. Serei a única?
Comecemos por algum lado. Porque não, começar por olharmos para o espelho com agrado :)
O corpo mudou mas nós, mulheres, não mudámos (eu diria que melhorámos). Cada nova ruga (começam a aparecer), cada cabelo branco (também eles), cada sinal dos anos a passar, são também sinais de uma vida plena, recheada de emoções. Fomos mães e com muito orgulho! Então, peito erguido, alguns cuidados e muitos “kits” para abraçar esta nova fase.

1 comentário:

  1. Olá Inês! Espero que nos voltemos a encontrar! Mto para conversar! Parabéns pelo Blog!:) BJS

    ResponderEliminar